9.7.17

O que me mantém aqui?

| |

Boa noite meus pepinos saltitantes (inventei agora, já pensou como seria legal se pepinos saltitassem por aí?), espero que todos estejam minimamente bem. Foi bem irônico encontrar tempo para postar logo após agonizar por estar sem tempo, mas é como eu sempre digo: A vida tem dessas. Terminei o roteiro para o trabalho de história e estou bem mais tranquila, mas ainda não é hora de relaxar *infelizmente*.
Minhas férias terão início no dia 20 de julho e no dia 19 mesmo terei um torneio de vôlei do qual sou literalmente obrigada a participar, mas como ninguém quer fazer parte do time que vai perder, ainda estamos procurando por pessoas. Em alguma dessas semanas *me esqueci* terei dois dias sem aula em função de gincana da qual não participarei ~I'm not afim. O pior é que a escola está me atolando em provas, principalmente dia 11 e 12/07. Nesses dia eu tenho:
  • Prova de matemática
  • Prova de geografia
  • Trabalho de apresentação de história
  • Entrega da droga do mosaico de artes
  • Trabalho de religião
  • Prova de inglês
Então percebam que a minha vida não tá nem um pouquinho fácil, pelo contrário na verdade. A artimanha é encontrar momentos em que posso dar uma descansada e aproveitar pra fazer tudo de uma vez.
No post anterior, provavelmente disse a respeito de um projeto do qual estou a participar e que estou ansiosa para fazer as postagens, mas não me recordo com certeza — só não esqueço a cabeça em algum lugar pois está grudada em meu corpo. O nome do projeto é Together, e vocês podem clicar na imagem abaixo para ir até a página inicial do mesmo. Essa postagem tem o tema de uma das blogagens coletivas de lá, que é "O que te mantém na blogosfera?"
Geralmente, quando penso em desistir naquelas noites escuras de domingo em que a vida deixa de fazer sentido, tipo hoje, essa pergunta me vem muito em mente. É quase instantânea a resposta que me aparece: Diversão. Muitas coisas influenciaram a minha vinda para a blogosfera e muitas coisas me mantêm aqui, mas a grande razão pela qual não desisti até hoje certamente é a diversão que isso me proporciona. Não sei se todos conhecem aquela história bem old and repetitive sobre como vim parar na blogosfera, o encanto que era pra Yunizinha de sete/oito anos *bem sonho de guriazinha mesmo* e essas coisas todas, but por via das dúvidas eu vou resumir tudo de novo.

Entrei na blogosfera com meus onze aninhos, no fim de 2014. A ideia inicial era falar de um monte de coisas junto com amigas minhas o blog ainda tá no ar, mas nem fodendo eu divulgo a URL, mas perdi a vontade de ter um blog junto com elas *selfish mood* e decidi criar meu próprio. Criei vários blogs — ainda recordo-me de que o primeiro blog foi "A Vida de uma Adolescente Invísivel", o que já começou errado ~em que dimensão perversa uma menina de onze anos é adolescente? — até que em fevereiro de 2015 o Cute Universe brotou na minha vida. Esse foi o blog em que decidi me dedicar com tudo que tinha, e o primeiro blog a apontar crescimento. Naquela época era muito apegada em estatísticas: Queria ver os números aumentarem, e quando isso aconteceu os próximos dias foram só alegria. Detalhe: Tinha tanto tempo disponível que chegava a postar mais de uma vez por dia!
aqueles GIFs que REALMENTE não têm nada a ver com o post
Passou um tempo, o blog cresceu, fez um ano, dois anos e acabei... Mudando? Obviamente, mudei muito. Não sou mais a menina de onze anos que era quando comecei o CT, não tenho os mesmos interesses e é possível notar uma evolução fortíssima de lá pra cá; eu mesma percebo isso. Não queria misturar as coisas, percebi que era hora de dar adeus com o mesmo sorriso em que dei as boas vindas, e foi quando nasceu o Folk Potato. Admito que de início estava bem insegura, tanto por me apegar no CT quanto por ser tenso abandonar cento e poucos seguidores + dois anos de história, jogar tudo pro alto e começar de novo.

No entanto, posso e devo dizer que estou muito satisfeita com minha situação. Às vezes bate aquela saudade, mas o que importa é que continuo fazendo o que gosto e que continuo me divertindo. Conheci muita gente por aqui, com alguns me dou bem, com outros nem tanto treta news intensifies, mas os dias em que gargalhei não foram poucos e espero prolongar essa espécie de "anos dourados" pelo maior tempo possível.

Alguém mais também tem uma história legal ou chata, que nem a minha pra contar, ou também fez sua participação na blogagem? Se puder deixar o link nos comentários, eu fico agradecida ~ Agora vou dormir, porque dormir é vida.
BEIJO NO RABO

11 comentários

  1. Respostas
    1. HELL YEAH IT IS
      Eu fico felizona de ver as pessoas participando dessa blogagem, cê tem noção? <3 Mais feliz ainda de saber que o que te mantém aqui é a diversão - eu passei uma fase muito bad de não querer conhecer blogs novos porque tava cansada das mesmices, dos layouts todos iguais e dos papos e seguidores e seguidores e seguidores *cries in blogger language* Então eu fico emocionadíssima quando vem blogueiras como você que só querem estar aqui e curtir <3 awn
      Por fim,só queria comentar que ficou lindo o button <3 que bom
      que gostou das fontes! E FELIZONA QUE GOSTOU DO NOVO LAY DO HISHOKU ;W;/
      Beixinhos Yuni <3

      Excluir
    2. MAS VEJE SÓ A SHANA FIRSTADORA AAAAAAAAAAA
      *e a torcida grita*
      *e a torcida berra*
      *e a torcida... tira?*

      Pior é que eu também fico felizona -q É tão legal saber que as pessoas têm motivos para blogar, não é superficial como várias outras coisas <3 Aaah, tu passou mais ou menos pelo que eu passei no meio de 2016, tava muito emputecida com todo mundo porque parecia que as pessoas só tavam interessadas em números ç^ç ~emocionada por deixar Shana emocionada ao som de sweet dreams~
      Obrigada <3 EU ADOREI AS FONTES VIADA, BAIXEI UMAS 35 AAAAAAAA *fucking crazy*
      AQUELE LAYOUT TA LINDO DEMAIS PQP
      beijo no rabo sz

      Excluir
  2. Heeeey Yuni, look who's here. Isso mesmo, eu (ok, eu juro que essa frase estava melhor na minha cabeça).

    Aaaaah como eu entendo como é estar sem tempo por causa de trabalhos, menina você não faz IDEIA. Mas graças ao nosso bom Deus, estou de férias desde dia 23 de Junho, é isso mesmo, 23 de Junho. A M O

    Bicha, eu adoraria participar de um projeto desses, socorro.
    Eu adoro essas coisas de "deixar a blogosfera viva", até por que ela fez parte de 7 anos da minha vida, né?

    Adorei o post miga. Boa sorte com os trabalhos e que venham as fériassss!!!

    Kisses Mackenzie

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E aí Mackenzie?
      SDLKJFDSJF' Entendo, isso acontece comigo com bastante frequência UHHUE

      Eu tô de férias desde dia 19 até 1 de agosto. SOCORRO VOCÊ TÁ DE FÉRIAS FAZ MUITO TEMPO, QUE INVEJA!!

      Esses projetos são muito interessantes mesmo, eu fico omfg que coisa mais biurifu. O blogger faz parte de 3 anos da minha vida, então eu considero ele pacas rs

      Obrigada <3
      Beijo no rabo o//

      Excluir
  3. Oi Yuni!! Que gracinha o seu blog!! E você!! O jeitinho que você escreve, lindinha demais hsauhsua ~ ai, to parecendo uma tia, desculpa. É que eu comecei a escrever no blog com 14 anos, mas não escrevia certinho assim, escrevia igual a um funkeiro analfabeto mesmo :v dai fiquei impressionada!! Otome-fujoshi melhor raça.
    Boa sorte com o torneio de volei!! (amanhã, né?) Enviando energias positivas ~
    E bom, o blog, pra mim, é diversão também, mas é mais que isso. Acho que é uma extensão dos pensamentos, não sei viver sem haha
    Bjooos o/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nanda! Obrigada aaa *vergonha* Quando eu comecei, escrevia da mesma forma! É que como eu tinha 11 (faz uns 2 ou 3 anos), provavelmente dei aquela "amadurecida" na escrita mais cedo XD realmente, ser otaku já é uma coisa louca e ser fujoshi é mais ainda dsklfjsdlkf'
      Entendo perfeitamente! Pra mim é a mesma coisa, só que hoje em dia tenho priorizado a diversão pupup
      Beijo no rabo o//

      Excluir
  4. OI YUNI!

    Toda vez que venho visitar seu blog ele está com um layout diferente, na verdade eu já tinha visto esse só que eu não estava com muito tempo ou cabeça para comentar algo decente e como sou super perfeccionista não aceito comentar qualquer coisa aaaa
    Acho que o melhor da blogosfera é a diversão, nossa, como eu me divirto e passo minhas horas vagas por aqui é tão bom, eu tive um começo bem parecido com o seu, tive vários blogs, depois foquei no YN, depoi larguei ele e fui pro GWolf, quando eu tive que abandonar o Yuurei Neko me senti da mesma forma, mas as coisas ficaram melhores e eu percebi que números e views não era tudo, nem era o que me faria feliz, eu acho que a gente precisa ir atrás da nossa felicidade e fazer apenas o que gostamos em um cantinho tão especial que são os blogs para nós blogueiras <3
    (eu já fiz o meu post, mas você já viu então nem vou deixar o link rçrçrç)

    Beijinhos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OI YUZU O//

      Pois então, eu não me aquieto com um layout só -qq Entendo perfeitamente, mas na maioria das vezes eu acabo comentando em qualquer momento livre que eu tiver porque penso que vou morrer se não fizer isso (sério, é muito estressante ter comentários por retribuir ou responder)
      A diversão pra mim realmente é a melhor parte. Eu lembro, acho que até conheci teu blog bem no início, pois lembro bem de várias coisas que aconteceram. Sim, bate uma nostalgia e depois bate um arrependimento por trocar de blog, mas é o caminho certo mesmo. Me sinto bem melhor agora :3
      (sim, eu li e adorei!)
      Beijo no rabo sz

      Excluir
  5. Olá Joana, lembra de mim? Não se preocupe, não vim aqui causar novamente, apenas comentar seu post, como sempre fiz.

    Minhas férias finalizaram nessa terça, dia 25/07. Já estava ansiosa com a volta ás aulas, sentia falta dos meus colegas e amigos, até mesmo de voltar á escrever lições de casa. Mas fracamente, ando muito lerda, como de costume, com as matérias que mais odeio :/ Que seriam História e Geografia, elas são um saco e bem complicadas para minha pessoa.
    O que te mantém por aqui é a própria diversão? Entendo. O que me fazia ficar por aqui antigamente era escrever bobagens todos os dias. Era legal e divertido, eu gostava dos comentários que recebia. Eram legais de serem lidos, e responder então... Era bem divertido mesmo. Hoje já não tenho mais tanta vontade de escrever, receber comentários e responder-los.
    Eu adoraria participar do projeto e da Neko High (acertei o nome?), mas sei lá, estou com muita vergonha na cara de fazer isso, estou sem motivação para isso. Um dia eu consigo, mas não será hoje, nem amanhã... Apenas não sei.
    Adorei o post, como sempre, está detalhado e com um português incrível. Seu modo de escrever me encanta até hoje, você nunca desistiu de nada, tu sempre foi determinada. Parabéns.

    Vejo você em breve, Joana (irei te chamar assim porque não temos intimidade como antes). Boa sorte com os trabalhos e apresentações escolares. Até mais o/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ariane o/ é, eu confesso que realmente tomei um susto quando vi teu nome aqui de novo, mas não te preocupa porque não vou te tocar pedras.

      A última coisa que eu sinto é saudade da escola. Ahh prefiro mil vezes ficar aqui quietinha no meu quarto mesmo. História e geografia também são as mais complicadas pra mim, mas principalmente a primeira.

      Sim, me divertir é essencial em tudo que faço. É, realmente, os comentários também tornam a experiência incrível, é uma das minhas partes favoritas.

      Sim sim, tu acertou o nome. Entendo, seria meio hipócrita dizer que te apoio depois de tudo que aconteceu, mas realmente espero que tu resolva fazer alguma coisa e não fique em cima do muro com voltar ou não pro blogger, e que dessa vez pelo menos escolha o caminho certo.
      Obrigada pelos elogios *feliz da vida* Mas nem é tudo isso, acho que te passo essa impressão pelo meu jeito mesmo -q

      Na verdade, prefiro que tu me chame de Yuni ou de Jon, até Yunikon mesmo. Como tu disse, não temos intimidade, então não curto muito ser chamada pelo nome XD
      Beijo no rabo ~

      Excluir

Hey, tudo bem?
Espero que tenha gostado do que leu! Se gostou, por que não deixa um recadinho ou comentário? *Nunca te pedi nada* Sempre que recebo um comentário (por mais que demore pra responder) eu leio na hora e fico tão feliz que chego a reler duas ou três vezes. Quer fazer uma criança feliz? Não custa nada! <3